quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Bandas que queremos no Carnaval 2012

Bem pessoal, a pedidos, queremos fazer uma enquete para sabermos quais as bandas preferidas por vocês para o Carnaval 2012 em Buriti.
Vamos selecionar as 5 mais mencionadas, que entrarão para uma votação.
Deixem comentários ou mensagens com o nome da sua banda preferida.

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Uma  informação para os seguidores do bloco "Vem Comigo"
Fonte: Lucas Machado

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Festejo 2011 em Buriti.

segunda-feira, 18 de julho de 2011

Vaquejada em Buriti-MA

      A partir do dia 22 de Julho, será iniciada a Vaquejada no mais novo parque de vaquejada, 4 irmãos, que será até dia 24 de Julho, com premiação de 6.000 reais em prêmios!

sexta-feira, 27 de maio de 2011

Chicabana em Buriti

                                               
                    Venha e faça parte dessa folia!!!

sexta-feira, 29 de abril de 2011

Buriti perde mais um ente querido (Afanso Ambrósio)

  • DESCRIÇÃO DE UMA BARBÁRIE

    No dia 21 de abril, por volta das 19h30, o jovem Afonso Ambrósio (22 anos) foi violentamente assassinado por outro jovem, conhecido como Valdinar (cerca de 24 anos).
    O CRIME – A barbárie ocorreu na churrascaria Batista, e, segundo testemunhas, o jovem Valdinar aproximou-se do local onde estavam o jovem Afonso, seu irmão Jackson e alguns amigos. Valdinar ao descer da motocicleta pilotada por seu amigo Francisco Paulo, vulgo Francispaulo, iniciou o inesperado: esfaqueou com um punhal de 30 cm, a virilha direita de Jackson, irmão de Afonso. Ao ver o forte sangramento de seu irmão, Afonso tenta, desesperadamente, ajudá-lo, momento em que é alvejado, brutalmente, com o mesmo punhal que atingira seu irmão. Afonso, gravemente ferido, ainda foi levado para o Hospital do Trabalhador Buritiense (HTB), onde recebeu os primeiros socorros e, então, foi encaminhado à Teresina, capital do Piauí. Infelizmente, Afonso não resistiu à grande perda de sangue, em decorrência da punhalada, e faleceu antes mesmo de chegar a Teresina, próximo ao povoado Alegre (Buriti-MA). O assassino foi retirado do local e conduzido até sua própria casa por seu comparsa Francispaulo. De acordo com testemunhas, não houve nenhum tipo de discussão que pudesse ter provocado tamanha barbaridade cometida pelo jovem Valdinar.
    A CAÇADA AO ASSASSINO - A policia militar (PM) foi acionada e aí, então, começou a perseguição a Valdinar. A PM descobriu que o acusado estava escondido em sua residência, e chegando lá começaram as negociações para que o acusado se entregasse. Ao recusar sair de dentro de sua casa, a polícia realizou um cerco ao local com os Cabos Raimundinho e Chagas, e o Agente Civil Richarly. Após a confirmação da morte de Afonso, e devido à recusa do assassino em entregar-se a polícia, as autoridades policiais tomaram a medida mais enérgica de adentrar na residência, dando voz de prisão ao acusado, que inicialmente não esboçou nenhuma reação. No entanto, quando o agente civil baixa sua arma, Valdinar tenta pegá-la, começando um confronto para algemá-lo. Os familiares de Valdinar ainda resistiram em entregá-lo. Após a prisão o acusado foi conduzido ao município de Chapadinha por questões de segurança.
    A atuação das polícias civil e militar foi fundamental para elucidação e prisão do assassino.

    FONTE : http://www.cburitiense.com/

terça-feira, 12 de abril de 2011

O Projeto "As Carrancas do Senhor Onésio"

 O Projeto "As Carrancas do Senhor Onésio", em Buriti de Inácia Vaz/MA


Acaso se apostasse no que redundará o projeto “As Carrancas do senhor Onésio” para o município de Buriti de Inácia Vaz e para o Baixo Parnaíba maranhense como um todo em que ponto do projeto a aposta flecharia? Uma parte dos apostadores, certamente, apostaria no fracasso do projeto tendo em vista outros projetos ou quimeras de projetos  que se danaram por obra e graça de um ou mais políticos. Outra parte, certamente, apostaria que o projeto é uma forma de se apiedar com as comunidades que padecem dos efeitos deletérios da fronteira agrícola, mas nada que atormente muito o seu dia a dia. Uma mínima parte apostaria em afogar as mágoas dos outros com mudas de bacuri, de juçara e de buriti às margens do rio Preto, bacia do rio Munim, Baixo Parnaiba maranhense, antes que os desmatamentos das Chapadas assoreiem por completo o leito do rio. Esses plantios de soja, nas Chapadas de Buriti de Inácia Vaz, comportam mágoas que os moradores, simplesmente, evitam na hora do pega pra capar.


          Cerrado no Baixo Parnaíba (arquivo Fórum Carajás)


Quem vendeu a sua posse de terra para os gaúchos, tão bem vendido, que a maior parte da comunidade foi pega de surpresa com o correntão espatifando a mata nativa da  Chapada? O André, plantador de soja nas Carrancas e nas proximidades, propôs para o Vicente de Paula, que detém 180 hectares na Chapada, a troca de sua posse por pingos de propriedade, do tipo aqui vai 18 hectares, ali vai mais 18 e por ai vai. O Vicente balançou com a proposta, contudo, na reunião preparatória do projeto “As Carrancas do Senhor Onésio”, no dia nove de abril de 2011, o próprio desembarcou do regatear  do André e embarcou com quase toda a família no projeto.
Na tarde do mesmo dia Vicente responderia ao representante do André com uma negativa para o regateio. O que argamassou a decisão do Vicente de suspender as tratativas foi a comparação da época em que resolvera morar naquela parte da Chapada, quando tudo era mais difícil, para aquele momento em que produzia de tudo um pouco. No seu intimo, talvez o Vicente acariciasse velhas incertezas quanto a posse dos 180 hectares. Ele protocolou junto ao Iterma um pedido de regularização fundiária e nenhuma equipe vistoriou a sua área. Quanta diferença quando o pedido surge de um agricultor familiar em vez de um plantador de soja ou de eucalipto, não é mesmo?

Por: Mayron Régis (Fórum Carajás)
http://territorioslivresdobaixoparnaiba.blogspot.com/

Riacho Feio.

Pequi

Havia abundância de pequi na chapada de Buriti, mas devido o plantio da soja, perdemos uma vasta área de floresta com árvores como o pequizeiro e outras espécies nativas da região.

Linda paisagem


Temos uma bela paisagem no caminho da piscina.

Passagem do barro branco.

Rua Inácia Vaz